Fale Conosco: +55 (11) 1234-5678

Recursos - Devocional - Nadando contra a correnteza!

16Ago2016

É interessante como o comportamento das pessoas se alterna ao longo dos anos, influenciado pela moda, pela música, pelas tendências digitais e até pela religião. De repente, alguém discreto passa usar um penteado diferente, roupas extravagantes ou sinistras, tatuagens espalhadas por todas as partes do corpo, um tênis colorido ou uma botina com metais, e a nova identidade passa a caracterizar aquela ‘nova’ pessoa.

Porém, por trás de um novo estilo, liberal ou conservador, está uma história que muitas vezes não corresponde àquele ‘estilo’, uma história de dor, frustrações, traumas, que talvez ninguém ao redor conheça, ou jamais se interessou, uma história que está oculta para muitos, mas busca algum alívio numa nova maneira de viver.

Basta olhar ao redor ou talvez para dentro de você mesmo, e vai perceber que existe uma busca por algo novo que nunca satisfaz, experiências diferentes que não surpreendem, uma busca pelo desconhecido que gera um sufocamento e escraviza as pessoas em prisões emocionais e espirituais.

O Apóstolo Paulo, na carta aos Efésios, diz, “Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento dos seus corações. Efésios 4:18.

Pois bem, o coração endurecido por inúmeras causas, nos separa da vida de Deus, e nos levam por uma correnteza, onde pensamos ser diferentes por conta do nosso estilo, porém, somos exatamente iguais, levados na mesma direção, que poderá nos separar eternamente de Deus.

Por isto, a Bíblia nos ensina a nadarmos contra a correnteza, dizendo, “Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12:2

E desta forma, independente de seu estilo, a ignorância será silenciada, com diz o apóstolo Pedro,  “Pois é da vontade de Deus que, praticando o bem, vocês silenciem a ignorância dos insensatos. Vivam como pessoas livres, mas não usem a liberdade como desculpa para fazer o mal; vivam como servos de Deus.” 1 Pedro 2:15-16

Tenha uma abençoada semana!